Life is a mess

       image

Eu vivo cada novo dia tentando me encontrar aí por esse mundo, grande mundo, onde tudo que eu vejo é dor, sofrimento e desilusão. Não, ainda não me achei no meio de tanta gente cruel e maliciosa cujas vidas eu desejo não fazer parte. Quem sabe eu consiga encontrar o meu eu em Marte, onde os extraterrestres devem ser bem menos egoístas e frios, lá sim é o meu lugar.

“Agora nós iremos seguir juntos por essa longa estrada chamada vida. Me dê a mão, feche os olhos, abra seu coração e vamos caminhar, pois ainda há muita coisa para vivermos, sentirmos e vermos; mas eu preciso que você siga comigo, ao meu lado, e que me faça sentir tudo o que nunca senti antes. Vamos viver esse momento, vamos nos permitir!”

        

"A pior coisa do mundo é perceber que pessoas ruins não estão apenas nas novelas, nem nos filmes ou séries de TV. O triste é perceber que elas estão a nossa volta, o tempo todo, fazendo questão de nos colocarem pra baixo e nos expôr ao ridículo. Mas a luz no fim do túnel é saber que existe um Deus, um Deus maravilhoso que não vai permitir que nada nem ninguém nos faça mal.

Você aí achando que Deus se agrada das coisas que você está fazendo, colocando o nome dele no meio de toda a sua maldade. Então espera, espera pra ver o que esse Deus é capaz de fazer, espera pra ver a justiça dele entrar em ação e pra perceber que ela não falha, e tudo que você faz de mal pra mim hoje, volta pra você amanhã.”

       

"Mesmo sabendo que você é meu, algumas vezes eu tenho medo. Tenho medo de sentir os efeitos de não te ter mais, de chorar, de sentir dor. É, sou mesmo louca, mas sou mais doida ainda por você e sei que é bobeira minha, mas é normal algumas vezes a insegurança. Todo ser humano tem medo de perder aquilo que ama, e pode apostar, comigo não é diferente."

      

A gente a passa todos os momentos tentando encontrar um sentido pra definir a palavra VIDA. Com o tempo a gente vai percebendo que encontrar um sentido pra ela é cada dia mais difícil, mais sem rumo e que a cada dia a nossa vida muda um pouco, a cada ato ela se modifica ou pra melhor, ou pra pior, dependendo das nossas atitudes.É tão difícil definir a vida e o seu sentido, que pensando bem, é mais fácil admitirmos pra nós mesmos que viver é um caminho incerto, onde qualquer atitude errada não volta pra que possamos consertar e que a vida não é definível, mas sim uma loucura total, uma bagunça, um pandemônio. Talvez, aceitando esses fatos nós deixemos de pensar em qual é o sentido da vida e possamos aproveitar o melhor que se tem nela: viver.

Hoje quando as pessoas me vêem sorrindo, não fazem ideia do que eu tive que passar pra conseguir chegar até aqui. Quem vê esse lindo sorriso no meu rosto, não imagina a dor pela qual eu passei pra conquistá-lo. Tudo que passei, todas as mágoas, tristezas e raivas eu precisei deixar pra trás pra conseguir ser feliz hoje em dia, mas muita gente não percebe isso.

Muitas pessoas pensam que é fácil conseguir sorrir quando seu coração está transbordando de mágoas, mas não, eu garanto, não é. Não fazem ideia do que é passar um dia sem ver alguém que se ama, sabendo que essa pessoa está viva, não sabem o que é querer ter a presença de quem se ama do lado, e essa pessoa não dar a mínima.

Apesar de toda a dor, eu não ando por aí resmungando nem me lamentando, nem sequer dizendo que a minha vida não valeu a pena, pois só pelo fato de eu existir e Deus ter me dado o direito de fazer a minha história, eu me considero vitoriosa e forte, e sei, eu sei que sou capaz de tudo, porque se sobrevivi a tantas dores, ainda que elas me fizessem mal, eu consigo conquistar, chegar onde eu quero, e com uma certeza: nada, nem os meus problemas, nem as minhas tristezas, serão capazes de me derrubar!

Conforme o tempo passou e eu fui amadurecendo, ou tentando, percebi que por mais que nós venhamos a escolher o que é melhor pra gente, a vida é uma caixinha de surpresas e sempre nos leva a rumos diferentes daqueles que planejamos. Tentamos muitas vezes escolher o que pensamos ser melhor e que fará a diferença pra nós, e no final, vem a vida mudar tudo aquilo que a gente planejou.

O que nós achamos ser melhor, nem sempre é e, na ânsia de acertar, a gente erra, e às vezes, erra feio. Essa é a prova de que nem tudo aquilo que a gente escolhe, nem todos os caminhos que nós decidimos percorrer, é o melhor e o mais seguro pras nossas vidas. O pior é que parece que gostamos de quebrar a cara, pois sempre tem um que avisa: “essa não é a saída…”, e nem por isso nós desistimos. 

Na verdade, o ser humano prefere ouvir a si mesmo e aos seus próprios impulsos do que seguir uma segunda opinião. É, talvez seja bem natural o fato de a gente ter que quebrar bastante a cara pra aprender a dar ouvidos aos conselhos alheios, e isso comprova que o dito daquela velha teoria é verdade: o ser humano só é capaz de aprender algo diante da necessidade.